Novidades

GALARDOADO SIMULADOR DE CONDUÇÃO AJUDA OS PACIENTES NO PROCESSO DA RECUPERAÇÃO

29/06/2023

GALARDOADO SIMULADOR DE CONDUÇÃO AJUDA OS PACIENTES NO PROCESSO DA RECUPERAÇÃO, COM RECURSO À TECNOLOGIA FORD ADAPTA

Após um acidente grave, as pessoas que têm a infelicidade de sofrer lesões graves na coluna vertebral poderão ter de enfrentar um longo proceso de reabilitação física. Mas também podem despoletar batalhas psicológicas, em especial quando se trata de voltar a sentar-se ao volante de um automóvel.

Um galardoado simulador de simracing, criado pela Ford Espanha, Fundación ONCE e Team Fordzilla, e desenvolvido pela Hi-Speed Simulators, está a ser utilizado para ajudar os pacientes do Hospital Nacional para Paraplégicos em Toledo, Espanha, a ultrapassar estes dois obstáculos.

Aplicando as mesmas tecnologias que a tecnologia Ford Adapta utiliza nos seus veículos de estrada - um programa praticado em Espanha no auxílio à mobilidade de pessoas com deficiência através da adaptação de veículos - o simulador de simracing permite aos doentes percorrer estradas virtuais em segurança. Não só os ajuda a sentirem, de novo, as sensações da condução, como também constitui uma forma de aprender a utilizar controlos adaptados.

Por exemplo, o volante com aros que permitem acelerar e a desaceler sem necessidade de pedais, constitui uma experiência pouco intuitiva para a maioria dos condutores. A possibilidade de experimentar estes sistemas num espaço virtual seguro, antes da experiência real de condução, pode contribuir para aumentar a confiança e ajudá-los a imaginarem-se novamente ao volante.

O simulador tornou-se, agora, numa instalação permanente no Hospital Nacional para Paraplégicos, onde continuará a ajudar as pessoas com lesões na coluna vertebral a prepararem-se física e mentalmente e a começarem a imaginar-se de novo nas estradas.

Mustang Mach-E Ford Adapta

No início deste ano, Jesús Alonso, Presidente e CEO da Ford Espanha, lançou o Mustang Mach-E Ford Adapta no hospital de Toledo, o primeiro veículo Ford 100% elétrico concebido para pessoas com mobilidade reduzida. O mesmo evento traduziu-se, também, na primeira apresentação do simulador Ford Adapta aos residentes locais, com a formação em condução virtual e simracing a cargo de José Iglesias, do Team Fordzilla. Os comandos utilizados no simulador são os mesmos do Mustang Mach-E adaptado, e até o painel de instrumentos no ambiente virtual é o mesmo do modelo, de forma a que a passagem do virtual para o real seja a mais simples e curta possível.

Hospital Nacional para Paraplégicos

O Hospital Nacional para Paraplégicos de Toledo (HNP) foi inaugurado em 1974. Funciona como um centro de referência nacional em cuidados especializados, investigação e formação contínua relacionados com lesões na espinal medula. Para além de tratamentos, o hospital também desenvolve iniciativas e projetos destinados a normalizar a vida das pessoas com deficiência, desde atividades desportivas até à plena integração na vida social, profissional e familiar.

Citações

“Temos imenso orgulho nesta colaboração com o Hospital de Toledo e a Fundación ONCE. Certamente que muitos destes residentes, quando deixarem o hospital, estarão melhor preparados psicológica e fisicamente para voltar a conduzir graças a esta nova tecnologia Ford Adapta aplicada ao simulador ‘simracing’.”

Jesús Alonso, Presidente e CEO, Ford Espanha

“No que respeita a pessoas com deficiência, estivemos sempre presentes, antes e depois, graças ao Ford Adapta. Agora, podemos, também, prestar todo o auxílio durante o processo de recuperação com este simulador adaptado do Team Fordzilla.”

Siga-nos

Já segue a CAM?
Conheça, em primeira mão, todas as novidades.

Newsletter

Inscreva-se e receba regularmente informação
personalizada no seu email.

Arbitragem de conflitos de consumo

Conforme Lei nº 144/2015, o consumidor pode recorrer ao CNIACC – Centro Nacional de Informação e Arbitragem de Conflitos de Consumo, com sítio em www.cniacc.pt.
O recurso a esta entidade apenas se aplica aos casos de arbitragem necessária previstos pelo artigo 14.º da Lei n.º 24/96, de 31 de julho - Lei de Defesa do Consumidor- na redação dada pela Lei n.º 63/2019, de 16 de agosto.